Decoração sustentável: tudo o que você precisa saber

Você já ouviu falar sobre decoração sustentável? Esse termo está na boca do povo, mas nem todo mundo sabe o que é e o motivo dele estar crescendo tão rapidamente! De início, é possível dizer que o principal motivo está relacionado aos baixos custos de criação. 

 

Contudo, é 100% errado dizer que a prática está relacionada só a soluções mais econômicas! Quando falamos de práticas sustentáveis, estamos comentando diretamente sobre soluções para melhorar o futuro do planeta. 

 

Com elas, podemos destacar a reciclagem de lixo eletrônico, doméstico, industrial, comercial, dentre vários outros, que podem ser reutilizados para a criação de itens decorativos modernos e de altíssima criatividade! 

 

Mas antes de chegar ao tópico de dicas para começar a realizar uma decoração sustentável, é essencial que você entenda o que é sustentabilidade e os primeiros passos para adotar de vez essa prática! Preparados? Nós esperamos que sim! 

O que é sustentabilidade? 

Pense em uma tela de computador que precisa ser ajustada para impedir que uma pessoa sofra com dores na coluna e lesões que podem variar de leves até as mais graves. Bem, a solução para isso é fácil: basta comprar um suporte para monitor de mesa

 

Infelizmente, a saída para os problemas que o meio ambiente enfrenta não é tão simples quanto para ajustar um desktop e, por isso, é fundamental falar sobre a importância da sustentabilidade! Mas afinal, você sabe realmente o que esse termo significa? 

 

Segundo Gro Harlem Brundtland, ex-primeira-ministra da Noruega e ex-presidente de uma comissão da Organização das Nações Unidas (ONU), a palavra deriva da necessidade de suprir as necessidades do presente sem comprometer as gerações futuras. 

 

Diferente de muitos termos e práticas que se tornam obsoletos com o passar do tempo, a sustentabilidade tende a se transformar em algo cada dia mais importante para assegurar o futuro da humanidade e de todos os recursos naturais. 

 

Uma prova disso é que a definição citada foi feita em 1987 e os debates sobre os temas são cada dia mais necessários. De acordo com cientistas, o aquecimento global já chegou a um ponto irreversível, mas isso não significa que devemos abrir mão do nosso amado planeta. 

 

Sabendo disso, é indispensável citar que o futuro está na mão de cada pessoa, que deve adotar práticas pensando no individual e no coletivo. Lembre-se: não é “só um papelzinho de bala jogado no chão” se um milhão de pessoas pensarem do mesmo jeito. 

 

Atualmente, existem diversas maneiras de investir em sustentabilidade, seguindo principalmente a regra dos 4R’s: Repensar, Reduzir, Reutilizar e Reciclar. E você sabia que dá para relacionar TODOS com algum modo de decoração sustentável? 

 

No próximo tópico, serão destacados os primeiros passos para investir na atividade de decorar de modo sustentável. Durante ele, você ainda conseguirá encontrar algumas dicas e ideias para colocar em prática. 

Os primeiros passos para uma decoração sustentável

Antes de começar a produzir uma etiqueta de acrílico, uma empresa deve fazer um projeto e adquirir todos os materiais que serão necessários para a fabricação. A base da decoração sustentável é a mesma, mas é possível analisar algumas diferenças em como isso é pensado. 

 

A primeira maneira de decorar ao mesmo tempo em que protege o planeta é por meio da consciência. Você precisa mesmo utilizar uma tinta tradicional para pintar as suas paredes sendo que existem vários produtos ecológicos no mercado?

 

Após você repensar as práticas que costuma realizar, é o momento que a decoração sustentável passa pelo processo de reduzir. No geral, o conceito está ligado ao desperdício, mas também pode envolver a diminuição de resíduos descartados.

 

Algumas coisas não precisam ser descartadas, apenas repaginadas, e você consegue fazer isso justamente aliando o reduzir com o reutilizar! Um ótimo jeito de fazer isso é por meio do Do It Yourself (DIY), que visa transformar coisas que seriam jogadas fora e itens decorativos incríveis. 

 

Sabe aquela garrafa pet que seria jogada no lixo? Pois bem, que tal transformá-la em um lindo vaso para plantas. Além de ser uma solução barata, ele ainda vai garantir leveza e tranquilidade para a sua casa. 

 

Por último, mas não menos importante, é fundamental citar que nem todos os produtos podem ser utilizados na decoração sustentável, mas isso não significa que você pode descartá-lo de qualquer jeito! 

 

É aí que entra o último tópico da sustentabilidade! O que não pode ser usado para decorar precisa ser reciclado! Mesmo que ele não possa ser utilizado novamente em nenhuma hipótese, ao menos ele poderá ser destinado para o local correto! 

 

Gostou do nosso post sobre decoração sustentável: tudo o que você precisa saber? Então compartilhe com os colegas e deixe o seu comentário!

 

Esse‌ ‌artigo‌ ‌foi‌ ‌escrito‌ ‌por‌ ‌Larissa Rhouse,‌ ‌Criadora‌ ‌de‌ ‌Conteúdo‌ ‌do‌ ‌‌Soluções‌ ‌Industriais‌.